Ela espalhou vários pneus em um terminal de ônibus. Ao encontrá-los dentro deles, percebeu que tinha valido a pena • Radio Sertanejo Universitário - RÁDIO TOK - Músicas Sertaneja - RÁDIO TOK - RADIO ONLINE - RADIO SERTANEJO - MUSICAS SERTANEJAS - RADIO SERTANEJA - RADIO ONLINE - RADIO SERTANEJO UNIVERSITARIO - SERTANEJO UNIVERSITARIO - RADIO ONLINE - MUSICAS SERTANEJAS 2016
app-store-logo-300x104 playstore app-store-logo-300x104

Ela espalhou vários pneus em um terminal de ônibus. Ao encontrá-los dentro deles, percebeu que tinha valido a pena

Muitos cãezinhos vivem nas ruas e passam por situações muito difíceis, como frio e fome. E, por mais que as pessoas queiram ajudá-los, nem sempre podem levar todos para casa.

Por isso, uma mulher chamada Neusa dos Santos teve uma ideia que mudaria para sempre a vida desses cãezinhos que precisam de um pouco de carinho e amor.

Há dez anos, a mulher acorda cedo todos os dias para cuidar de todos os cachorros que vivem no Terminal Barreirinha, em Curitiba. E, recentemente, ela teve uma ideia maravilhosa para mantê-los aquecidos.

Neusa improvisou algumas caminhas usando pneus velhos e cobertores, colocando-as em uma parte desativada do terminal, já que nas últimas semanas os termômetros da cidade marcavam a temperatura mínima de 12ºC.

"Eu tinha que fazer alguma coisa. Alguém tinha que tomar uma atitude. E eu acho que essa missão era realmente minha. Hoje eu sou outra pessoa", conta Neusa, que é vigilante e atualmente está desempregada, ao G1.

A atitude dela acabou chamando a atenção de alguns dos funcionários, que começaram a ajudar com os cuidados dos cãezinhos batizados carinhosamente de Pitoco, Max e Zóinho.

"Eu admiro demais o gesto da Neusa com os cães. Hoje em dia a gente não vê esse amor e essa atenção com os animais em qualquer lugar. Em diversos terminais de Curitiba o que se vê são animais largados, maltratados. Então, quando a gente se depara com uma cena dessa, dela trazendo todos os dias pela manhã o alimento, é uma coisa que não tem preço. Ela é um exemplo", disse o vigilante Robson Santos Guimarães ao site do G1.

Além de cuidar dos bichinhos no terminal, alguns dias da semana ela costuma levá-los para casa para dar banho, carinho e passar com eles pela cidade. Veja mais algumas fotos desses grandes amigos:

"Eu cuido porque eu amo os animais. Eu acho que quem não gosta de bicho, sinceramente, não tem coração. Ainda mais os cães, que são fiéis com a gente. Esses três aqui, por exemplo, sentem quando eu não estou bem. E eu também sinto quando alguma coisa ruim acontece com eles. A gente se ajuda. Enquanto eu estiver viva, eu vou cuidar deles", disse Neusa ao G1.

Neusa conta que no início eram 10 cãezinhos, mas que agora só restaram 3. A maioria deles foram adotados, mas alguns acabaram morrendo atropelados.

Agora, ela aproveita o momento para deixar uma importante mensagem e conscientizar as pessoas sobre os animais que vivem nas ruas e precisam de cuidados.

Fotos: reprodução

About Rádio Tok 210 Articles
Sertanejo 24HRS - Som HD - A mais de 5 anos com mais de 7 milhões de acessos.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*



OUÇA VIA POPUP     << CLIQUE AQUI >>